Jair Bolsonaro

Nova presidência da república: o que muda na saúde?

Aproximadamente 10 min. de leitura

O ano de 2019 iniciou com uma série de promessas e mudanças, principalmente quando se fala da nova presidência, após a cerimônia de posse de Jair Bolsonaro no dia 1º de Janeiro

Muitas propostas e promessas são feitas durante as eleições, agora cabe a nós cidadãos, acompanhar a aplicabilidade das mesmas.

A seguir, conheça quais os planos que Jair Bolsonaro tem para a saúde no Brasil!

Eficiência, gestão e respeito com a vida das pessoas

Infelizmente, a teoria do SUS não é vista de forma integral na prática. Mesmo todos tendo direitos iguais de acesso, são vistas injustiças e desigualdades de atendimento.

Além disso, o Brasil enfrenta sérios problemas de gestão, inclusive no âmbito da saúde. As verbas são repassadas de forma inadequada, profissionais responsáveis pelo setor são formados em outras áreas, e muito mais.

Portanto, se esta promessa de Jair Bolsonaro for cumprida, não há dúvidas que os usuários do SUS serão melhor atendidos, o que impactará positivamente na saúde do país.

Mas o trabalho, sem dúvidas, será árduo. Esta revolução depende da mudança de todos os profissionais envolvidos no processo, que deverão passar a atuar como equipe multidisciplinar – isto é, compartilhando decisões e integrando suas atividades.

Adoção de Prontuário Eletrônico Nacional

O prontuário médico é um documento responsável por armazenar todas as informações dos pacientes, para que em um próximo retorno ao serviço, o profissional tenha acesso a este histórico.

Agora, imagine a seguinte situação: um paciente muda-se ou está realizando uma viagem, e precisa procurar um hospital ao qual nunca tinha ido anteriormente.

Para estes e outros casos, seria muito interessante se todos os prontuários fossem interligados, e as informações dos pacientes estivessem disponíveis em âmbito nacional.

Sem dúvidas, facilitaria o atendimento e otimizaria o tempo de todos os profissionais da saúde. Esperamos que o Jair Bolsonaro consiga cumprir com tal promessa!

Carreira de Estado para médicos

Os médicos ingressam na rede pública através de concursos ou mesmo trabalham com contratos – sendo que estes tem duração limitada, e ao seu fim, podem resultar em demissão.

A proposta de carreira para os médicos é uma boa opção de crescimento dentro do serviço de saúde, como também uma forma de ofertar profissionais para todas as regiões do país.

Novas regras para o Programa Mais Médicos

O Programa “Mais Médicos” gerou inúmeras polêmicas e foi um divisor de opiniões nos últimos tempos. Basicamente, seu propósito era de “remediar” a falta de médicos com os profissionais de Cuba, e ao mesmo tempo investir na formação de novos profissionais – o que está sendo feito, a partir da abertura de novas instituições de ensino superior.

5certos

BI

Mas, Jair Bolsonaro resolveu adotar uma postura rígida, ao exigir o Revalida dos médicos estrangeiros – basicamente, trata-se de uma prova para validar os diplomas externos para o Brasil.

Com isso, Cuba resolveu tirar todos os profissionais daqui, o que resultou em um déficit imenso de profissionais, principalmente em regiões vulneráveis e do interior do país.

Atendimento universal aos planos de saúde

O novo presidente prometeu que acabaria com esta “divisão” dos planos de saúde, bem como com a possibilidade de os médicos escolherem com quais desejam trabalhar.

Embora pareça ser uma excelente proposta, é muito difícil pensar em como ela será aplicada na prática, afinal, existe uma série de requisitos para um médico trabalhar para determinado plano, como também existe a opção de o profissional atender apenas de forma privada.

Atendimento universal aos planos de saúde

A maioria das propostas para a saúde feitas por Jair Bolsonaro são excelentes, e pode-se esperar mais investimento e melhorias para o SUS.
Mas, algumas ideias são um pouco inviáveis, por envolverem muito capital, ou ainda, instituições privadas – como é o caso da mudança dos planos de saúde.

Portanto, pode-se esperar que se tudo isso for cumprido, a população e a classe médica sairão ganhando!

Deixe também a sua opinião sobre o assunto!

 

BI

Deixe uma resposta